Comprar imóveis para alugar ou investir

frechal aluguelHoje explicaremos os tipos de investimentos possíveis para arregaçar as mangas e começar a ganhar dinheiro com alugueis. Se você tem um imóvel em uma região bem movimentada, dá para utiliza-lo total ou parcialmente, transformando-o em uma ou mais salas comerciais.

Dependendo do local, basta fazer uma pequena reforma, separar (de forma inteligente os espaços) e anunciar a intenção de locação. Considere a possibilidade de alugar o imóvel deixando por conta do novo inquilino a reforma.

Aproveite as oportunidades. Um imóvel reformado vai valorizar o bem, mesmo que só se tenha lucro a médio ou longo prazo. Aproveite para treinar capacidades de negociação. Uma ótima oportunidade que cidades como Blumenau oferecem é de comprar um apartamento ou sala comercial exclusivamente para locação.

O investimento em um imóvel pronto é um pouco maior, porque o bem possui maior valor agregado, mas ao menos você não tem o estresse de lidar com o acabamento — que pode ser um exercício cansativo para algumas pessoas.

Nesse caso há ainda outras vantagens, como poder alugar imediatamente o imóvel e com o aluguel ajudar a pagar as parcelas do financiamento. Mas é preciso ter cuidados. Tenha em mente que é necessário ter certeza de que você pode pagar sozinho o financiamento. O aluguel seria um alívio para as contas no final do mês. Caso contrário, o tiro pode sair pela culatra.

Outra possibilidade é a compra de um apartamento na planta. O preço final que você pagará será menor do que a primeira opção, mas esse tipo de aplicação exige mais paciência para se esperar até o término da construção, fazer o acabamento e aí sim alugar. O bom é que além da economia e da possibilidade de se investir direto com a construtora, você poderá planejar o acabamento para ir ao encontro do tipo de inquilino que você deseja ter. Essa opção também tem outras vantagens, como a valorização do apartamento para a venda depois de pronto, caso você desista da locação.

Também são necessárias precauções e reservas financeiras para evitar dor de cabeça. Ter o dinheiro de no mínimo três meses de prestações guardado é muito importante. De seis meses, melhor. Considerado esse fator, bons sonhos e bons planos.

Fonte: Pense Imóveis Classisanta - 19.11.2013 | Coluna: Soraia Vasselai